Homem com mais de 60 anos fazendo  ginástica

  • 01. QUANDO O HOMEM DEVE COMEÇAR A SE PREOCUPAR COM O SEU ENVELHECIMENTO?

    Não existe um prazo para você começar a se cuidar; na verdade, quanto mais cedo melhor. Mas se você está em boa forma física e clinicamente estável, se já faz atividade física e se alimenta com bom senso, pode começar quando quiser. Mas, por outro lado, se você só tem 35-40 anos, mas já esta obeso, tem histórico familiar de infarto, se você já tem problemas de colesterol, arteriosclerose, diabetes ou pressão alta, vale a pena começar a se preparar bem mais cedo.
    Milhares de homens morrem ainda jovens, entre 30 e 40 anos de idade, vítimas de infarto ou derrame; outros vivem com limitações e sequelas neurológicas da diabetes, doenças ateroscleróticas cardiovasculares, muitas vezes por toda a vida. O ideal é você amadurecer sem dar chance para que as doenças degenerativas tirem de você a melhor fase da sua vida. O programa Masculin deve ser feito sem parar, pois depois que você perceber os benefícios de ter uma vida proativa você nunca mais será o mesmo.

  • Ao invés de tratar as suas doenças vamos fazer uma abordagem proativa, se antecipando a elas, antes que você envelheça, antes que você fique doente.
    O envelhecimento não precisa vir acompanhado de doenças cardiovasculares , de hipertensão arterial, não precisa vir com diabetes, não precisa ser um período de sofrimento, gasto com remédios , com limitações físicas, sem libido e sem ereções. Apesar de você ainda ser jovem, é agora que você deve começar a se preparar para o envelhecimento. Agora é a hora de se prevenir, não espere a idade "chegar" para tomar as providências. Se preparar é mais fácil do que corrigir. Agora é a hora de criar o hábito da alimentação saudável, da atividade física regular, das visitas médicas e da reposição hormonal (se for indicada). Depois pode ser um pouco tarde.
    Para ser vivida com qualidade, a vida deve ser planejada com antecedência.
    São quatro os fatores que atuam no tipo de envelhecimento de cada pessoa:

    >> 1) os fatores genéticos,
    >> 2) o stress oxidativo,
    >> 3) o estilo de vida e,
    >> 4) as alterações hormonais.

    Não podemos alterar a herança genética, mas podemos eliminar os resíduos metabólicos do stress oxidativo, podemos mudar o seu estilo de vida para eliminar os fatores de risco do seu cotidiano (alimentação inadequada, fumo, álcool, sedentarismo, ansiedade) e podemos ajustar os níveis hormonais.
    Se nada disso for feito, aos 50-60 anos você terá um pouco de pressão alta, alguma diabetes, um certo aumento do colesterol, algum sobrepeso, vai tomar anti-hipertensivos, diuréticos, um remédio para controlar a glicose e outro para "segurar" o colesterol, etc. Certamente vai ter algumas dificuldades para praticar esporte, com dor para as atividades da vida diária. A libido e as ereções serão apenas uma boa recordação, bem como aquela antiga capacidade de subir um ou dois lances de escada.
    O programa do Masculin vai permitir que você tenha um envelhecimento saudável, sem as dificuldades dessa fase, sem as limitações e as doenças próprias da idade. Ser velho não é ruim, ruim é se arrastar para andar, não poder se abaixar, não poder mover o quadril durante a relação sexual e outras limitações. No Masculin você faz exames complementares periódicos; esses exames ditam os rumos a serem seguidos tanto para se estabelecer o programa de longo prazo que atenda os seus objetivos bem como para corrigir eventuais desvios e sugerir mudanças.

  • Aderir ao programa do Masculin representa um investimento na qualidade da sua saúde, menos gastos com medicamentos, mais tempo para desfrutar com vigor os melhores anos da sua vida, com total poder de decisão e independência junto a sua família e seu trabalho.
    Significa disposição para as ir onde bem entender, ter uma vida sexual repleta de prazer, manter plena faculdade mental para tomar as suas decisões e viver tão bem ou melhor do que na juventude. Nossos pacientes não têm apenas uma aparência de pessoas saudáveis, eles são pessoas saudáveis; muito saudáveis.
    O programa do Masculin vai deixa-lo com:

    >> Mais energia sexual e melhor desempenho, Mais energia física,
    >> Menor percentagem de gordura e menos barriga, Ganho de massa muscular magra,
    >> Músculos mais fortes, com mais força e melhor tônus muscular,
    >> Melhor rendimento nos exercícios aeróbicos, Ossos mais calcificados, mais fortes e mais resistentes, Melhora do sistema imunológico,
    >> Pensamento mais ágil, melhora da memória e do humor,
    >> Melhora da sensação de bem estar e autoestima, Melhor qualidade do sono,
    >> Melhora da elasticidade da pele, Menores níveis de colesterol,
    >> Melhora das condições cardiovasculares, Mais capacidade de controlar o stress,
    >> Melhor rendimento no trabalho, no convívio familiar e social, Uma vida mais vibrante e de bem estar, Melhor qualidade de vida. Muito mais anos de vida.

  • Nossas doenças são o resultados dos nossos fatores de risco. O que são os fatores de risco? São as condições ditadas pela nossa genética ou pelos nossos hábitos que levam ao risco de ficarmos doentes. Segundo pesquisa brasileira sobre Comportamentos de Risco e Morbidade, os principais fatores de risco associados à mortalidade no país são:
    Tabagismo, Falta de prática de atividades físicas, Hipertensão arterial, Sobrepeso e Obesidade.
    Dentre as doenças que mais matam homens após os 40 anos no Brasil temos:
    1)Doenças cardiovasculares: Aqui entram doenças cardíacas como infarto agudo do miocárdio e insuficiência cardíaca, além do acidente vascular cerebral (AVC) e outros problemas causados por pressão alta (aterosclerose).
    2) Câncer: Dentre os cânceres que mais matam a população estão o câncer de pulmão, câncer intestinal, câncer de próstata, câncer de estômago e câncer de pele.
    3) Pneumonia e doenças respiratórias.
    4) Diabetes e outras doenças endócrinas e metabólicas: Cerca de 10% da população brasileira tem diabetes.
    5) Doenças hepáticas e do aparelho digestivo.

  • A diminuição progressiva da testosterona após os 35-40 anos provoca vários sinais e sintomas de hipogonadismo que nos homens se misturam com os sinais e sintomas do envelhecimento. Dentre as perdas mais importantes esta a diminuição gradual da rigidez peniana às ereções. A disfunção erétil é uma das queixas que mais contribui para a perda da qualidade de vida e da autoestima, não só desses homens mas também de suas parcerias.
    Modernamente temos opções de tratamento que quase sempre resolvem qualquer tipo de disfunção erétil. As mais comuns são:
    1) Os comprimidos de sildenafil (Viagra) ou tadalafila (Cialis);
    2) As injeções intracavernosas de prostaglandina ou nitroprussiato de sódio;
    3) As ondas de choque de pressão acústica que provoca a angiogênse peniana;
    4) O implante de prótese peniana nos casos onde nenhuma das outras resolve;
    5) Terapia de Reposição Hormonal (TRH) de testosterona;
    6) Terapia combinada médico-psicológica;
    7) E nada fazer, quando for decisão do paciente.
    Quase sempre conseguimos recuperar a libido e as ereções dos pacientes. No entanto ainda é muito alto o percentual de homens que só nos procuram após 2, 5 ou mais anos, atrasando muito o início do seu tratamento.

Chame por Whatsapp

Marque sua consulta ou esclareça suas dúvidas de modo ágil, utilizando nosso Whatsapp.
Você será sempre bem atendido.